Resenha: Happily Ever After (Cinder & Ella #2)

Tenho medo de continuações de livros que não precisam de continuação #prontofalei Morro de medo. Sério. Medo da autora estragar uma história que adorei. Dos personagens não terem a vida que imaginei. Essas coisas. Então sempre acabo pensando duas vezes em ler essas sequências. Mas eu queria tanto saber o que aconteceu com Brian e Ella que não resisti. Agora, será que Happily Ever After fez juz ao legado de Cinder & Ella? Vem saber 😉

cinder e ella .jpg

O livro começa uma semana depois da onde o primeiro parou e os dois ainda estão tentando se ajustar a esse novo estágio do relacionamento. A vida de Brian não mudou em nada desde o anúncio, mas Ella agora se transformou em uma figura pública. E ela ainda não conseguiu se acostumar com isso, com as pessoas sabendo quem é, e por esse motivo, ela e suas irmãs passam por uma situação vergonhosa quando acabam caindo na armadilha de um fofoqueiro de Hollywood.

Isso faz com que todos os problemas e inseguranças de Ella fossem jogados aos lobos. Agora todos sabem a extensão dos danos em seu corpo e que ela tem medo de mostrar ele a Brian (ou a qualquer outra pessoa).

Fora isso, seu pai não consegue aceitar seu relacionamento com Brian e a influência que isso está causando na vida da sua família, principalmente com as gêmeas. Então, depois de um natal que deu muito errado, Ella acaba cortando o contato com sua família e vai morar com seu namorado.

“Essa é a minha cicatriz de batalha. Eu mereci ela.”

Como eu odeio o pai da Ella, sério. Quando você começa a achar que o cara está entendendo o que se passa com sua filha, BAM! Ele vem e estraga tudo. Sempre foi muito claro o favoritismo dele com as gêmeas, mas nesse livro isso é escancarado. Ainda bem que a Ella tem o Brian para se apoiar.

E por falar em Brian, ele continua mais amorzinho que nunca. Mais amorzinho e mais apaixonado. É tão lindo ver o quanto ele se importa, o quanto ele quer cuidar da Ella. E o quanto ele a ama. Simples assim. Ele não a pressiona para que ela seja alguém que não está preparada para ser. Mas ele da todo o suporte para que ela cresça, não deixando-a estagnar. E tem coisa melhor que isso? Ter uma pessoa do seu lado que só quer ver você crescer (em todos os sentidos) e ser feliz? É tudo que qualquer pessoa precisa.

No geral é um livro lindinho. Vários personagens do outro livro tem participações especiais nesse, o que ajuda naquele gostinho de nostalgia. Não é tão bom quanto o original (coisa que eu já esperava que não fosse ser mesmo), mas é tão lindo, tão amorzinho, tão fofo, tão tudo que não tem como não gostar. Kelly Oram cumpriu com a promessa de continuar uma história maravilhosa sem estragar ela. Que capricho minha gente, que capricho.

“Você é minha vida, Ellamara. Meu coração. Minha alma. Meu tudo.”

Sinopse:

Happily Ever After.jpgThe end of one story is often the beginning of another. Hollywood heartthrob Brian Oliver and his Cinderella princess Ellamara Rodriguez have finally found love outside the digital world. But leaving their anonymity behind creates a whole new set of obstacles for the nation’s new favorite sweethearts. With the stress of Brian’s fame and the pressures of a new relationship weighing down on them, the It Couple quickly begins to wonder if they can hold on to their newfound joy, or if maybe happily ever after is only a fairy tale.

Onde Comprar: Amazon

Anúncios

Deixe sua opinião...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s